Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Bom Jesus -

Filho é suspeito de participar na morte de vereadora

A Polícia Civil, através da Delegacia de Bom Jesus, com apoio do GENARC, na manhã desta sexta-feira, deu cumprimento ao cumprimento do mandado judicial de busca e apreensão na residência de Daiton Rodrigues de Oliveira Rocha, filho da ex Vereadora Roseli, assassinada em dezembro de 2018.

Segundo a Polícia Cívil, Daiton, foi denunciado pelo Ministério Público à justiça por suposta participação na assassinato de sua genitora Vereadora Roseli, motivo pelo qual, após receber a denúncia, a justiça acatou pleito Ministerial e deferiu o referido mandado de busca e apreensão na residência do denunciado, determinação que foi cumprida nesta manhã pela Polícia Civil

Cumprida a diligência, por volta das 06h, os policiais civis apreenderam no imóvel, além de um aparelho celular, um notebook e munições de arma de fogo, calibre .22, em desacordo com a determinação legal, além de uma porção razoável de maconha, de consumo do investigado.

Outros 5 suspeitos já se encontram presos aguardando julgamento, dentre estes o pai de Daiton, ex-esposo de Roseli, acusado de ser o mandante do crime.

Por fim, Daiton foi conduzido à sede da Delegacia de Polícia onde foi autuado em flagrante pelo crime de posse ilegal de munições de arma de fogo e posse de drogas para consumo próprio, cujas penas podem chegar a 3 anos de prisão.

Após recolher a fiança arbitrada pela autoridade policial,Daiton foi colocado em liberdade.

Os objetos aprendidos serão encaminhados ao Instituto de Criminalística e posteriormente os laudos remetidos ao Poder Judiciário. Fonte/foto: 6. DRap/Itumbiara.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior