Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Dirceu Guerreiro na luta

44 anos de advocacia – extensão universitária pela Universidade de Santa Cruz, Itabuna, Bahia, extensão universitária pelo Iterpa-Pará, pós-graduação em direito agrário pela Universidade Federal de Goiás, pós graduando pela Universidade Federal Santa Mônica-MG, e primeiro agrarista a legalizar terras do Pantanal-MT, bem como terras do centro-oeste, norte do país, (Tocantins, Pará, maranhão), em elevado trabalho fundiário, inclusive terras de segurança nacional.

Introdutor da empresa familiar, tendo constituído as primeiras empresas das famílias tradicionais de Goiatuba, e recentemente lançou livro sobre a “holding familiar”, preservando os bens na família, evitando-se inventário.

Especialista em testa-mento, com mais de quarenta anos nesta área, bem como instrumentos jurídicos na constituição de união estável e sociedade de fato.

Foi quem ganhou a demanda da Fazenda Córrego Fundo, município de Morrinhos, extensiva demanda com muitas décadas e gigantesco sofrimento na região do Córrego Fundo, hoje todas as terras ali legalizadas graças a seu trabalho.

Agraciado com a medalha “Pedro Ludovico” da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, em 2.010, na condição de advogado.

Especialista em consti-tuição de empresa e na lavratura de estatutos e contratos agrários.

E agora, recentemente extinguiu a divisão da Fazenda Pontal, deste município, com 20.000 hectares, mais de 100 condôminos, iniciada em Goiatuba-Go, no ano de 1960, em apenas seis anos eliminou a demanda. Gigantesca vitória segundo ele em belíssimo trabalho pelo Dr. Luiz Carlos, DD. Promotor de Justiça e MMA. Juíza Dra. Sabrina.

Foi quem alargou os horizontes de nossa cidade, vez que a partir do lago, Parque dos Buritis, inclusive os três setores estavam nas mãos de posseiros, litigio iniciado em 1972.

Todas as invasões de terras nos municípios de Goiatuba e Morrinhos foram resolvidas por trabalho seu.

Foi quem legalizou o Distrito de Marcianópolis, deste município, a pedido do bispo da Diocese de Itumbiara-GO.

Legalizou a parte urbana na cidade de Porteirão-GO. Contratado pelo senhor João Vasconcelos.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior