Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Prefeito apresenta proposta para pagar atrasados

Nesta quinta-feira (29), o prefeito Zezinho Vieira participou de reunião com os servidores para apresentar a proposta de como o Governo Municipal pagará o residual do 13º salário e também os salários atrasados de 2016 aos servidores efetivos. A reunião aconteceu na sede do Sintego de Goiatuba e contou com representantes de todas as categorias, inclusive com as presidentes do Sintego e do SIMUG.

Durante o encontro o prefeito revelou aos servidores que estará editando um “Decretão”, onde fará cortes em todos os setores da administração municipal, o qual será responsável por parte do ajuste fiscal e consequentemente baixar o índice da folha de pagamento do município que há muito tempo rompeu os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal, que é de 54% da arrecadação, aproximando dos 65% da receita municipal.

O prefeito também informou que a equipe administrativa, financeira e jurídica já está tomando todas as providências no sentido de aumentar a arrecadação, outra ação que será responsável por ajudar a fechar a equação dos pagamentos propostos pelo prefeito, além de receitas extraordinárias para manter pelo menos o básico dos serviços públicos e honrar a o pagamento dos salários em dia e a proposta feita.

A proposta apresentada pelo prefeito aos servidores prevê o pagamento do residual do 13º salário de 2016 em três parcelas, as quais serão liquidadas até o mês de outubro. Já o residual dos salários, que somam quase de R$ 5 milhões de reais, o prefeito revelou que a prefeitura só tem condições de paga-lo em 24 parcelas, sendo que a primeira já seria paga ao término do pagamento do 13º.

Quanto ao reajuste de 2017, a proposta do prefeito foi no sentido de ser paga em três parcelas quadrimestrais ao longo do ano que vem e para compensar este parcelamento, assegurou aos servidores que em janeiro de 2018 o reajuste passaria a ser automático.

Para o prefeito, “serão necessárias muitas medidas complementares para darmos conta de honrarmos este compromisso com os servidores e ainda manter pelo menos o básico dos serviços públicos, mas assim como honrei todos os compromissos assumidos com vocês até agora, vamos conseguir cumprir mais este”, completou.

Tanto as assessorias jurídicas do Governo Municipal, quanto do Sintego, usaram a palavra e ponderaram seus argumentos. No final, as lideranças dos servidores informaram ao prefeito que vão se reunir nos próximos dias para apreciarem a proposta do Executivo Municipal.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior