Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Prosa, Polícia e Política

E O PINTINHO... PIU, PIU. VOCÊ VIU?

A noite havia chegado fazia poucos minutos, quando a PM em patrulhamento pelo Vila Mutirão, abordou dois menores, ambos de 15 anos, trata-se de B.E.A e M.R.N.F, com eles os policiais encontraram um simulacro, ou seja, uma arma de brinquedo, muito semelhante a uma arma de fogo de verdade, seis pedras de crack, devidamente embaladas, uma pequena quantia em dinheiro, um celular LG e uma mochila. Dentro da mochila havia um pênis de borracha. Ou seja, outro simulacro. Porém, para muitos, eficiente.

QUE ROLO, QUE COISA!

A PM na cidade de Panamá, abordou uma Hilux ONC 5230 com algumas pessoas dentro o motorista era Luciano Simões Araújo de 31 anos, contra ele havia um mandado de prisão por receptação, a RT. 180, da cidade de Miracatú São Paulo. Ele foi recolhido, os demais averiguados e liberados.

IRMÃOS CORAGEM

A polícia foi acionada para comparecer na Rua Pernambuco, no Setor Alto da Serra, onde dois motoqueiros realizavam manobras perigosas com suas motos. Estes motoqueiros eram Renato Dias Abdala de 21 anos e Rafael Dias Abdala o mais velho, que pilotavam as motos NX4 Falcon, preta, NGD 8072 e CG Titan NFF 4227 de cor Vermelha. As duas com os documentos vencidos, as duas foram para o quartel de carona no guincho.

LADRÕES EM AÇÃO

Rua Mato Grosso, centro da cidade. Lislene Leandro Peres ouviu a campainha toca, quando se deslocou para atender, se deparou com um elemento que havia saltado o muro e vindo ao seu encontro com arma em punho anunciando o assalto. Ele mandou que abrisse o portão e duas mulheres entraram dando sequência ao roubo, levando um celular Motorola, uma TV 32 polegadas, um net book Philco preto, uma corrente de ouro e uma pulseira. Os meliantes fugiram do local levando o veículo da vítima, um Onix Branco OMT 5117. A moça foi amordaçada e amarrada no quarto de hospedes. Porém, conseguiu se desvencilhar e pedir socorro.

TEM SUB ZERO? ENTÃO É UM ASSALTO!

Eram pouco mais que oito e meia da noite, quando um elemento magro, moreno, chegou em um estabelecimento comercial na Iguaçú com a Piauí, no Bar da Sandra e com arma em punho anunciou o assalto   Vitimando Sandra Márcia Fernandes de 51 anos, Lindalva Aparecida Borges de Miranda de 60 e Doréci Lúcia Ferreira Salgado de aproximadamente 70 anos e levou a bolsa de Lindalva com celular Sansung com cinza e cerca de Cem Reais, o dinheiro que estava no caixa do bar e da vítima Doréci, um celular Nokia vermelho, documento de um veículo UP  ONR 0314 que também estavam em uma bolsa. Um segundo elemento o aguardava em uma moto preta, saindo e tomando rumo ignorado.

POLÍCIA EM AÇÃO

A Policia Militar, através de seu serviço reservado, P2, monitorou uma casa na Rua São Paulo no centro da cidade onde segundo informações havia uma movimentação diferente e era ocupada por três ocupantes, um homem e duas mulheres. A PM realizou uma abordagem e na busca domiciliar encontrou vários objetos que estavam relacionados com o roubo que vitimou Lislene Peres no dia 28. Sirley Rodrigues Moraes de 31 anos, Jaqueline da Silva de 29 e Samuel Ferreira de Sousa. Na entrevista amistosa com os policiais, chegou a informação que um tal “Menezes”, teria chegado na noite do crime com o veículo na casa onde moravam e que o carro Onix estaria em uma estrada vicinal próximo a Morrinhos. Durante a conversa ainda foi apurado que em uma casa de “Douglas” de tal poderia haver mais alguma coisa. Lá chegando os policiais foram recebidos por Ana Claudia Silva Fernandes 25 anos. Na casa havia 25 porções de crack e poucas porções de maconha. Ainda foi apresentado durante a investigação o endereço de um tal “Danilo” residente na viela Purus, a PM esteve lá, porém, ele não se encontrava. O que foi encontrado foi um revólver 38 carregado e mais duas munições. A PM reafirmou que todos eles podem estar envolvidos nos assaltos ocorridos na região

TRAGÉDIA E MORTE

Era por volta de 19 horas, quando Talles Vieira De Sousa de 28 anos, estava em sua residência na Rua Chiquinho Marques no Setor Gobato e ouviu a campainha tocar, ao sair na garagem que dá acesso à rua, ele foi alvejado com vários tiros de pistola 380, por um elemento que estava em uma saveiro branca. A Polícia Civil foi acionada e as investigações seguem, buscando a elucidação dos fatos. Talles, era conhecido como “Pé Pequeno”.

DEU RUIM

Didião, solão quente, o Caminhão 1113 ano 77 de cor vermelha, pilotado por Wesley Cândido Alves, descia a Rua Almirante Barroso e no cruzamento com a Iguaçu, não percebeu a motoquinha Iros/ IZY50cc Vermelha, que era pilotada pelo Senhor Orcalino Cassiano e o choque foi inevitável. Segundo algumas informações o sistema de freios do caminhão não estava bom e o caminhão não estava com os documentos em seu interior. O veículo foi retido e teve que ficar no pátio do Centro de Obras, por não haver espaço disponível no quartel e a motoquinha, foi levada para o 29º ficando à disposição do proprietário.

TÃO NOVO E TÃO DOIDO!!

A PM realizava Patrulhamento pelo centro da cidade quando avistou a moto Honda Titan preta NFQ 5331, realizando manobras perigosas, pilotando utilizando apenas a roda traseira. Recebeu ordem para parar. Porém não parou e ainda empreendeu fuga pela calçada dirigindo perigosamente e em alta velocidade, bateu em um monte de terra e em seguida ainda em fuga, bateu em um poste. Sofreu escoriações e foi encaminhado para o Hospital, já a moto foi para o quartel de carona com o guincho.

“VAI, VAI, VAI..VAI NO CAVALINHO, VAI”...

O lusco fusco já estava baixando e a noite chegava impetuosa. Mas, antes que se definisse poeticamente a escuridão, Divino Eterno Sousa Silva transitava pela Avenida Amazonas sentido setor DERGO, quando ao tentar converter para a esquerda, acabou colidindo na traseira de um cavalo de cor escura, que era pilotado por Jordana Alves do Carmo. Ele atingiu a traseira do animal, todos tiveram escoriações e foram encaminhados. O cavalo para a baia e os feridos e esfolados para o Hospital.

POLITICANDO

Deu ruim a missão de Divino Barcelos ao tentar explicar sua adesão aos ex- companheiros que ficam opositores e que agora são novamente seus aliados políticos. Depois de toda a trajetória no partido, os chamados tradicionais, em sua grande maioria, não aceitaram muito bem a saída do “companheiro” e não viram com bons olhos essa “ida” para outros ninhos.

O PTC de Ailton Caetano, deu uma sossegada, após muito frisson promovido nos últimos meses. Este silêncio, não significa que estamos estagnados, muito pelo contrário, afirmou Ailton.

Apesar de não ter em nenhum momento feito declaração que seria candidato, ou que teria pretensão a uma disputa de eleição, o Prefeito Elioenay Magalhães vem sendo ferozmente criticado pelos chamados “opositores” de plan-tão. A fúria destas pessoas chega ser preocupante, ou menos interessante para ser analisado. Será que em tão pouco tempo já perdeu espaço quem estava em campanha durante anos?

A revolta é tão grande que o nexo chega faltar em algumas vezes com os críticos de plantão. Porém, o que se sabe, é que apesar de estar cortando de seus quadros companheiros de longa data Elioenay tem recebido não apenas apoio. Algumas pessoas passaram a respeitá-lo.

Até Semana que vem...
Marcos Pereira, é radialista, jornalista, palestrante, teólogo, especialista em ciências da religião, gra-duando em pedagogia e estudante de direito.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior