Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

PROSA, POLÍTICA E POLÍCIA

DEU RUIM - Hudson Silva Sousa de 23 anos, tem passagens pela justiça e estava passeando em um “Chevetão” branco, JDV 4136, pelo Setor Bananeiras quando foi abordado pela PM. No momento em que descia do carro ele deixou sobre o banco uma faca que foi localizada pelos policiais que anunciaram sua prisão. O rapaz ainda estava sem CNH e sem os documentos do “Chevetoso”.

SAPATINHO DE ALGODÃO - Uanderson Roberto é morador da Vila Betânia e estava dormindo quando recebeu a visita do larápio que abriu o portão, abriu um veículo Gol, pegou as chaves de uma moto Biz preta NGG 6971 e fugiu levando a moto.

FACADAS FATAIS - Havia uma festa no Clube da Cooperativa, local onde a PM recebeu um chamado a comparecer. Lá, encontrou caído ao solo o corpo de Rubens Pirett Neto de 34 anos, que fora esfaqueado no tórax e no abdômen por um autor não identificado no Boletim da PM. A vitima foi levada ao hospital pelos Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e acabou falecento.

OUVINDO PROGRAMA POLICIAL - Vila Esplanada 1, José Carolino Sobrinho foi vítima de furto, sendo Vander Donizet de Morais de 37 anos e Saulo José Moura de Lima de 30 anos os autores do furto. Saulo foi flagrado pela PM dentro da residência, em baixo da cama da vitima e em conversa amistosa com os policiais, acabou relatando que seu comparsa já havia evadido e levado um rádio. José foi encontrado e os dois foram para a D.P.

MOTOCA RECUPERADA - A Polícia Militar foi acionada para informar sobre uma moto Titan de cor preta NVY 1622, que estava próximo ao Km 666 da BR 153, na zona rural, povoado da Serrinha, entrada para Mata Preta. Os policiais foram até o local por se tratar de veículo furtado no período da manhã no centro da cidade, próximo à Caixa Econômica Federal. A motoca foi para o pátio e está à disposição do proprietário.

PENSA NUMA SITUAÇÃO COMPLICADA - Marcelo Lemes da Silva de 38 anos, estava pilotando uma moto YBR 125 NGV 2208 na Rua Xingú, bem no “centrão” da cidade. Até ai, tudo bem. Acontece que ele foi abordado pela PM e estava sem CNH e com hálito característico de quem ingeriu bebida alcoólica, olhos avermelhados, andar cambaleante. Foi convidado a fazer o teste do “bafômetro”. Porém, recusou-se. Pensa que acabou? Não! Contra o rapaz ainda havia um mandado de prisão expedido pela justiça. Resultado. Foi para a mesma rua em que estava, mas desta vez na condição de detento.

“SUBAQUINHO” CHEIROSINHO - E foi assim que aconteceu. Era final de tarde, quando a PM foi chamada no Centro da cidade para atender uma ocorrência de furto. O jovem de 25 anos Bruno Pereira Rodrigues, havia adentrado do Supermercado Reis, retirado da prateleira 04 frascos de desodorante Nivea Man e depositado dentro de sua bermuda, saindo de mansinho, sem pagar a mercadoria oculta, próximo às suas partes intimas. Com a chegada da PM o flagrante foi lavrado e o rapaz levado para a D.P. Detalhe: sem tomar banho.

POLITICANDO

ESTA SEMANA foi a semana das novidades. Os números de pesquisas oficiais e pesquisas “caseiras” começaram a ser discutidos no município. Ficou notório que algumas candidaturas cresceram e outras encolheram e outras buscaram espaços vazios. Porém, nada se compara aos absurdos vistos nas redes sociais. É degradante e repugnante como a baixeza e a falta de escrúpulos chega às pessoas e elas se propõem a disseminar todo tipo de informação de péssima qualidade e críticas, até mesmo pessoais.

VI UMA PESQUISA. Era bem verídica, idêntica a uma nota de 3 Reais, perfeita! Você realmente está pensando em Goiatuba?!

AINDA BEM que nenhuma emissora de rádio está realizando debates ou entrevistas diretas, sem assessoria com candidatos. Foi a afirmação de alguns correligionários que sabem a qualidade de determinada candidatura que defendem, sabem ainda, que quanto menos palavras melhor para não demonstrar a real face da candidatura defendida. Gente. Tem gente que realmente acredita?!!!

DEMONIZAÇÃO DO OUTRO, esta é a estratégia de determinadas candidaturas e suas enormes equipes de trabalho que não fazem nada, a não ser demonizar o adversário. Resumindo. Não tem o que fazer e nem o que defender a não ser um discurso igual ao que já foi visto em outras ocasiões.

DIRETO DA FÁBRICA. Tem muita gente confiando que vai continuar em seus partidos depois da eleição. É bom pensar em mudar de lado. O prefeito municipal informou esta semana que estará assumindo o comando de alguns partidos da base e até mesmo um grande partido poderá vir para suas mãos mesmo com protesto de alguns e independente do resultado das urnas. O próprio governador teria feito este pedido. Vamos aguardar. Tem passarinho que poderá ter que trocar de ninho. Será?!

JÁ ESTÁ BEM ADIANTADA a investigação em alguns órgãos da prefeitura e o que se tem visto é deplorável. Talvez, alguns apoiadores de candidaturas por aí, terão que depor na justiça para explicar onde estão algumas coisas que sumiram. Que vergonha! O pior é que ainda sobem em palanques como se fossem seres acima de qualquer suspeita.

FALANDO EM SUSPEITA. Está confirmado, realmente os vereadores de algumas chapas estão em rebelião. Apesar de várias tentativas para acalmar os ânimos, a preferência por determinada candidatura dentro das chapas tem se mostrado maior do que a vontade dos demais vereadores e os majoritários aparentemente não estão nem ai.

APESAR DOS CACHÊS altos contratados por alguns, tem gente que já está querendo mudar de lado. Lamentável. Como é que nunca se preocuparam com Goiatuba e agora se dizem bastiões da moralidade e defesa do povo, só para ganhar mais dinheiro. Vergonha!!

NOSSO ABRAÇO vai para aqueles que entendem o quanto é difícil ser honesto neste país. Para os funcionários que sofrem, para as mulheres que choram e para as amantes que não estão nem ai para quantos anos de casamento alguém tenha. Deus liberte vocês. Funcionários, se estão achando ruim? Saibam que pode piorar, e muito!

Até Semana que vem... 

Marcos Pereira, é radialista, jornalista, palestrante, teólogo, especialista em ciências da religião, graduando em pedagogia e estudante de direito.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior