Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Spaço Agrícola e Arysta apresentam produto para controle de mariposas

A Spaço Agrícola e sua parceira Arysta Lifescience apresentaram na última semana mais um moderno produto para auxiliar o produtor rural no combate e controle de uma das principais pragas que atacam as lavouras e colocam em risco a capacidade produtiva em todas as culturas, face aos danos provocados às plantas, causando sérios prejuízos para o setor. No evento, realizado no Spaço Baeza, os produtores conheceram o NOCTOVI®, um revolucionário produto para eliminar as mariposas, responsáveis pelas lagartas que promoveram grandes estragos nos últimos anos.

O NOCTOVI® já é considerado a ferramenta mais inovadora e inteligente de todos os tempos criada especificamente para o manejo das lagartas devido seu alto grau de eficácia e resultados surpreendentes em todos os cenários e campos onde foi testado. O produto é um atrativo alimentar e por isso alcança esse resultado, já que atrai as mariposas para a planta onde foi aplicado.

O NOCTOVI®, quando adicionado a uma baixa quantidade de inseticida à base de Methomil, torna-se uma isca com rápido efeito de atração e controle, reduzindo a geração de lagartas. O lançamento é mais uma forma de a Arysta reforçar seu diferencial e comprometimento com o mercado, já que o atrativo alimentar é uma ferramenta inovadora e pioneira.

O produto é uma excelente ferramenta para o manejo contra resistência a inseticidas convencionais e tecnologias GMO BT (Geneticamente Modificados) e eficiente para diversas culturas, principalmente para Soja, Tomate, Citros e Feijão, cultivares presentes na região.

Spaço pronta para atender produtores

Segundo Volneimar Lacerda, diretor da Spaço Agrícola, distribuidor auto-rizado da Arysta Lifescience para Goiatuba e Região, “toda equipe da empresa já está treinada para trabalhar com o NOCTOVI® e pode ajudar o produtor a obter grandes resultados com a utilização dessa nova tecnologia que veio para revolucionar o manejo das mariposas”, informou.

Volneimar ressalta que aquele produtor que quiser implantar essa nova tecnologia em suas lavouras já neste ano, pode procurar a empresa ou um de seus técnicos para agendar a apresentação do plano de manejo. O empresário enfatiza que “mesmo que o produtor ainda não queira aplicar em toda lavoura este ano, ele deve promover a aplicação em pelo menos uma área para que possa conhecer o potencial dessa ferramenta extraordinária”, conclui.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior