Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
De Olho Aberto -

De Olho Aberto

 

Goiatuba


Desabafo I – Foi o tom do ex-vereador Ailton Caetano Pereira (PMDB) que afirmou à Coluna “o Coronel Zé Brasa, o ex-prefeito Hermes Traldi e o Guilherme Pontieri nada somaram para o PMDB na última eleição”

Desabafo II – Segundo Ailton, “a postura do Zé Brasa foi a de um coronel, não ouvia ninguém, não aceitava opinião, espantou inúmeros companheiros e cometeu a maioria dos erros da campanha”.

Desabafo III – Para Ailton, um dos maiores erros de Zé Brasa foi o de tirar da campanha o ex-prefeito Marcelo Coelho e o ex-vereador Lair Mendonça.

Desabafo IV – Outro ponto que deixou Ailton indignado foi o fato de lhe tirarem a presidência do partido no meio da campanha. “Me tomaram a presidência na calada da noite, da forma mais desrespeitosa do mundo, mesmo depois de tudo  que fiz pelo partido em outras eleições”.

Desabafo V – Ailton ressaltou que da forma como foi tratado e os desdobramentos dos fatos já o fez se arrepender de ter votado em Fernando Vasconcelos, candidato do partido, “estou imensamente arrependido” concluiu.

Mão na massa I – É o que estão fazendo os 7 vereadores eleitos pela coligação “Goiatuba para Todos”, literalmente.

Mão na massa II – Os edis estão trabalhando em período integral na adequação do prédio da antiga Academia que passará a abrigar a sede do Poder Legislativo a partir de fevereiro.

Mão na massa III – Todos estão trabalhando contra o tempo, já que o período é muito curto, mas tudo indica que a adequação será concluída até o dia 15.

Mão na massa IV – Os novos gabinetes já estão quase prontos e serão mais amplos do que os atuais. É bom lembrar que agora serão 13 gabinetes.

Assessoria I – Alguns vereadores ficaram na chiadeira esta semana. É que seus assessores não foram nomeados pelo presidente Noroel Buzain (PSC).

Assessoria II – Os edis não beneficiados procuraram saber o porquê e receberam a simples resposta de que não havia respaldo jurídico para a devida nomeação. E que as mesmas só deverão ocorrer em março.

Assessoria III – Segundo uma fonte ligada ao Poder Legislativo, os mais exaltados no episódio foram os vereadores Jubes (PSDB) e Flaviano (PC do B) que prometeram recorrer em busca de seus direitos.

Assessoria IV – Segundo essa fonte, o que impediu a nomeação dos referidos assessores é o fato de que a Lei que criou os cargos só contempla 9 vereadores, já que sua criação foi na época que só existia esse número de parlamentares.

Buriti Alegre

Goiânia I – O prefeito Marco Aurélio (DEM) tem compromissos hoje na Superintendência da Caixa Econômica Federal para verificar os convênios do município com o Governo Federal.

Goiânia II – Segundo Marco Aurélio, o município possui uma série de convênios que precisam ser regularizados para conclusão das obras e também prestação de contas.

Goiânia III – Durante o encontro, o prefeito pretende conseguir o aval da instituição para novos convênios, bem como ampliação de alguns já existentes.

Goiânia IV – Os projetos mais importantes e que devem receber a preferência neste encontro são os relacionados a moradia e também ao saneamento básico (esgoto).

Goiânia V – Marco Aurélio pretende criar um amplo programa habitacional para o município e para tal determinou a sua assessoria que conclua rapidamente a criação do Plano Municipal de Habitação.

Joviânia


Na estrada I – É o que tem feito o prefeito Max Pereira Barbosa (PSDB) nos últimos dias em busca de apoio para alavancar seus projetos e resgatar algumas promessas do governador Marconi Perillo.

Na estrada II – Max tem dedicado tempo integral à administração do município e os resultados já começam a aparecer e o povo a ficar contente.

Na estrada III – Apesar de ter passado alguns dias em constante viagem, o prefeito tem deixado inúmeras determinações para seus assessores não deixarem a “bola cair”.

Não para I – O vice-prefeito Nego Riciolli (DEM) é um dos nomes fortes que compõem o Governo Municipal e tem comprado peças com o próprio dinheiro para que o serviço não pare.

Não para II – Segundo uma fonte ligada ao Governo Municipal, o prefeito Max também já fez o mesmo, tudo para não permitir que os serviços fiquem prejudicados. A comunidade agradece o empenho!

Vicentinópolis

Conforto I – A nova sede do Poder Executivo, apesar de provisória, dá aos servidores e contribuintes maior sensação de conforto e salubridade.

Conforto II – Com móveis novos e ergometricamente desenvolvidos para permitir o melhor desempenho, a nova sede parece um palácio perto do antigo prédio.

Conforto III – Enquanto isso, o prefeito Zé do Neca (PMDB) segue seu ritmo, atendendo a população e procurando soluções viáveis para os principais problemas.

Conforto IV – O prefeito elegeu como prioridade para esse inicio de mandato resolver alguns gargalos, um dos que deverá receber atenção redobrada é o relacionado à Saúde.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior